domingo, 26 de setembro de 2010

Que Belo Horizonte!

Faz um mês e um dia que estou na capital mineira. Reaprendendo a viver e conviver nesta selva de pedra. Ah, como o interior me faz falta! Mas não posso desmerecer este lugar. Aqui tenho aprendido muita coisa, principalmente a arte da espera, da paciência, do convivio com as diferenças. "Cidade grande" traz muitas sensações, principalmente de insegurança. E essa insegurança não se resume às ruas, com seu trânsito maluco, confuso e abarrotado. A insegurança vem de dentro de mim. Anseio tantas coisas! Anseio principalmente voltar para o meu lar capixaba. Eu precisei sair do Espírito Santo   para sentir o quanto gosto desse lugar. Fui mineira até os 06 anos. Estou capixaba deste sempre. Não traí meus conterrâneos, apenas me sinto como a filha adotada que abre a boca e diz: "Mãe é a que cria, educa e dá amor." Assim sou eu, adotiva do Espírito Santo, estado que quero reencontrar em breve, que quero estar em breve firmada em seu solo. Mas, enquanto isso não acontece, vou vivendo um pouco com minha mãe biológica...rs     
         
E por falar nisso, hoje fui com minha mãe e meu primo ao Aeroporto de Confins. Meu irmão foi pro Pará para ver meu pai após longos -quase- 06 anos! Tempo demais, né? E, pra felicidade geral da família, na próxima semana eles retornarão até aqui de carro, quando meu pai ficará na cidade para fazer exames médicos e meu irmão seguirá rumo ao Espírito Santo.Mas, enquanto isso, após deixar meu irmão no aeroporto, fomos dar um pulinho à Lagoa da Pampulha. Sempre passo por lá, nunca paro. Tirei várias fotos ao redor da Igreja de São Francisco, projetada por Niemeyer, e aproveitei para curtir a paisagem. Parte bonita da cidade, entre tantas outras. 

Como não sei quanto tempo passarei nesta cidade, espero conhecer outros cantos tão inspiradores.

Beijo,

Ange.









2 comentários:

evan disse...

paciência é tudo que está me faltando até final de outubro...

beijos, te amo.

Ange Rocha disse...

Nada nos vem de graça, mas saiba que Deus está traçando nosso futuro.Breve estaremos juntos. Nem posso imaginar! Tudo dará certo. Eu creio nisso.

Beijo, tb te amo :)