quinta-feira, 5 de julho de 2007

Em querer encontrar algo...

...às vezes me perco!E fico em desalento,em desatino,até.Pra quem vê,mil interpretações; pra mim, somente uma,uma apenas.Talvez voltar atrás, recomeçar do zero.Talvez fazer tudo diferente.Talvez recomeçar agora, após várias tentativas frustradas.

É, percebo que isso não é inerente à minha pessoinha.Todo mundo está vulnerável à frustração.Mas ainda é tempo.Como diria o mestre Guima, "infelicidade é questão de prefixo". Um passo que é dado com a certeza de que nada vai ser em vão, tudo se torna mais condizente com o que sinto,com o que quero.E querer nem sempre é poder,mas já é um começo para retomar a vida do ponto mais conveniente.

Às vezes tenho a leve impressão que estou vivendo entre parênteses...E Hilda Hilst sacramenta: "como se a água ficasse a um dedo da minha boca e todo o deserto à volta me segurasse."

Um comentário:

Evandro disse...

buscar sempre o que queremos, novos ideais, recomeços... tudo tudo pra alcançar a felicidade... talvez seja essa a grande sacada da vida.

Titãs - Anjo Exterminador
Sérgio Britto

Hoje o ar vai nos faltar
Dois mil anos vão passar
Hoje a terra vai se abrir
Hoje o mar vai recuar e te engolir
Hoje em nome de uma só verdade
Vão riscar de fogo o breu do céu
Hoje em nome de uma só vontade
Vão cuspir no azul do céu

Hoje o sol vai despencar
Hoje as ruas vão parar
O teu beijo me trair
Hoje os prédios vão rachar e cair
Hoje um cruzador americano
Vai parar no mar do arpoador
Vai descer um gladiador romano
De um disco voador

EM NOME DA LIBERDADE
EM NOME DE UM DEUS QUE NÃO É O SEU
EM NOME DA LIBERDADE
EM NOME DE UM DEUS QUE NÃO É O MEU

TEMPESTADES vão cair
Edificios vão ruir
Hoje o céu vai desabar
Hoje as moscas vão parar no lugar

Hoje em nome de uma só verdade
Vão riscar de fogo o breu do céu
Hoje em nome de uma só vontade
Vão cuspir no azul do céu

EM NOME DA LIBERDADE
EM NOME DE UM DEUS QUE NÃO É O SEU
EM NOME DA LIBERDADE
EM NOME DE UM DEUS QUE NÃO É O MEU

Vão cair do céu de pára-quedas
Filmes, drogas e tanques de Guerra
Sete pragas para a nova era
Dez minutos para o fim da Terra
Vão mandar um projétil-humano
Vão levar o cristo redentor
Vão pedir a benção ao vaticano
Vão mandar o anjo exterminador

*****************************

beijo. te amo.