quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Por onde começar?

Olá! Bom, como diz o título deste post, não sei bem por onde começar a escrever! Como diria Câmara Jr (quem???? Leia aqui que saberá quem é...rs) "ninguém é capaz de escrever bem se não sabe bem o que vai escrever". Difícil, né? Mas vou tentar. 


Nos últimos dias muitas coisas aconteceram comigo. Nada que não possa ser remediado, mas foram situações que me deixaram com a imunidade baixa, diria. Com um nível alto de estresse, tive que resolver esse momento da minha vida em apenas uma semana. Explico: moro em uma cidade relativamente perto de Vitória, a capital do meu amado Espírito Santo (uma mineira que já se considera capixaba...rs), e, em razão de ser tão perto, saimos da nossa (?) cidade em um sábado - deixando tudo nosso à vista, como notebooks, celulares etc -, e fomos (Evandro e eu) para a capital para prestigiar o casamento de um amigo do Evandro. Até aí nada demais, né? Sim, passamos o sábado por lá, esqueci, em cima de uma caixinha de acrílico em casa, os acessórios que usaria no casamento, passei no shopping para comprar outras peças (olha o prejuízo já começando...rs), comi um delicioso cupcake no stand da I Love Cupcake (todos precisam provar! Deliciosamente deliciosos os deles), voltamos para o hotel, nos arrumamos, curtimos o casamento, que por sinal teve uma recepção muito bacana, voltamos pro hotel, dormimos (óbvio!rsrs), acordamos, tomamos um café patrocionado pelo foursquare (rsrs),  almoçamos e passamos o dia em uma cidadezinha perto de Vitória, chamada Santa Teresa, que não conhecíamos, e de lá (ufa!) voltamos para casa. 


Agora começa a odisséia terrestre #bandaevafeelings! 


Ao descer do carro, subi com minha malinha para meu "apertamento". Quando entrei, pasmem, minha cama estava toda revirada, sem lençol, travesseiro no chão e... meu notebook havia desaparecido. A ficha demorou a cair. Evandro entrou em seguida e eu comentei, assustada, que meu notebook havia sumido. Ele olhou para a escrivaninha na sala e falou: "-O meu também!" Aí que a ficha caiu. Começamos a olhar tudo no apartamento e percebemos que pessoas estiveram por lá e levaram quase tudo! E o pior vocês não sabem: Evandro morava um andar acima do meu. Na sexta, véspera do arrastão (eles entraram em três apartamentos naquela noite), Evandro havia fechado o contrato de aluguel porque iria morar com uns colegas de trabalho e, por termos que viajar, faria a mudança na segunda. Devido a isso, desceu com suas coisas para o meu apartamento para que segunda efetivasse a mudança! Prato cheio pros criminosos! Levaram muitas coisas, inclusive o dinheiro que ele pagaria a rescisão antecipada do contrato de aluguel. Levaram nossos notebooks, meu celular da operadora TIM (nunca saía sem ele, mas resolvi levar somente o iPhone naquele dia, já que seria uma viagem curta), ventilador (!!!), dinheiro, a TV Led de 42 polegadas do Evandro e, ainda pra nossa surpresa, o frigobar lindo dele, que havia me emprestado desde que dei o meu refrigerador para meus pais (até comentei aqui).


É isso, meus amigos, o resumo dessa ópera maldita! Desde o acontecido, muitas coisas aconteceram. Fizemos o boletim de ocorrência, questionamos na delegacia e... nada até agora. Até foi noticiado na imprensa. Nos informaram que a quadrilha é grande, que já fizeram "saques" em cerca de 15 apartamentos aqui na cidade! Eu confesso que nunca imaginaria algo desse tipo acontecendo comigo, mas descobri o quanto somos frágeis, vulneráveis. Depois disso tudo, decidi me mudar do prédio e, pra minha surpresa, a imobiliária resolveu me cobrar a multa rescisória, mesmo eu alegando que não teria condições psicológicas para ali continuar. Diante disso, resolvi ingressar com uma ação no Juizado Especial Cível para requerer a isenção da referida multa. E como nossa justiça é morosa, audiência somente em fevereiro! Até lá, o dono da imobiliária disse que vai tomar todas as medidas, inclusive negativando nossos nomes (Evandro é meu fiador) no SPC/Serasa. Falta de humanidade reina!


Eu me apego ao fato de constar no contrato que em caso de sinistro (pra mim furto é sinistro) o locatário poderá pedir a rescisão antecipada do contrato de locação. Vamos aguardar e ver o que dá. 


Enquanto isso, na batcaverna, sim, naquela semana eu fui parar em uma kitinete suuuuper simples, onde a proprietária, super gente fina, informou que poderei ficar até quando eu quiser, sem precisar pagar multa em caso de saída. Pago adiantado o aluguel e quando eu sair não precisarei pagar nada mais! Chega de perder dinheiro, sabe? Donos de imobiliária são muito mercenários, viu! Eu agora quero comprar meu apartamento e sossegar. Não quero mais dar moleza pra essa gente covarde! 


Mas covarde mesmo foram as pessoas que entraram em meu apartamento. Possivelmente foram homens grandes, fortes, bons para trabalhar e que resolveram seguir o caminho inverso, sendo bandidos ordinários, com mente doentia para o crime. Será que não pensaram que as pessoas que eles lesionaram são trabalhadoras, que batalham dia após o dia para ter o que têm? Nada que consegui na minha vida até hoje foi de forma fácil. Sempre lutei para conseguir o que tenho. Meu pai me estudou, como costumamos falar por aqui, dei o melhor de mim para passar em um concurso público, estou tentando comprar meu apartamento e me chegam uns caras sem caráter nenhum e me fazem passar por tudo que passei e estou passando. 


Hoje, o que mais sinto é saudade das milhares de fotos que estavam no HD do meu notebook. Viagens que estão em minha memória, que bandido nenhum vai deletar. Sonho em ter meu apartamento e ali reservar um canto da parede para as muitas fotografias de viagens que fiz e farei. Sorte que algumas delas estão salvas no meu perfil no facebook. Obrigada,  Mark Zuckerberg!


No mais, procurando seguir meu rumo, porque sei que coisas piores acontecem o tempo todo com muita gente. Comigo foram bens materiais, mas sei que há no mundo pessoas más capazes de tirar a vida do seu irmão. Agradeço a Deus por tudo que Ele me tem feito. Não serei ingrata com Ele nunca! Aliás, quero registrar aqui que Deus foi muito misericordioso quando não deixou que os crápulas levassem minha caixinha de jóias que estava sob meu celular furtado e também por ter preservado minha coleção de óculos de sol. Eles mexeram em tudo, mas não levaram essas coisas. Fiquei sabendo que em outro apartamento do prédio eles levaram um ray-ban e jóias da moradora. Obrigada, Deus, por ter cegado aquela gente inútil!


Já comprei um refrigerador (lindinho da Electrolux), tenho meu trabalho que me sustenta e me proporciona grandes momentos mastercardianos (inventei agora!) e uma família que me ama e me apoia sempre. Tem coisa melhor, gente??? Ah, sem falar no Evandro que, independente de nossas desventuras amorosas, tem sido um parceiro nesse momento difícil. 


Por fim, sinto pena daqueles que se destacam com bens do alheio. Não precisamos ter nada de ninguém, todos somos capazes de escrever dignamente nossa própria história. 


Beijo em todos que sempre estiveram comigo, em todos os momentos. 


Ange.






p.s.: pra terminar, um pouco de amor na voz do U2, que desde a hora que acordei até agora tem tocado no meu iPod. 


p.s.: ah, só pra lembrar que estou usando o notebook do meu irmão :) Graças a Deus ele me emprestou! Valeu, Anibal!

8 comentários:

evan disse...

estou sempre por aqui. sabe que pode contar.

beijos. saudades.

Angélica Oliveira disse...

Ai Ange...que barraaaaa!!
Fui assaltada há mais ou menos 2 meses, só levaram minha carteira, mas eu nem percebi....fiquei com um sentimento horrível de impotencia, de injustiça....imagino que o que você está sentindo agora é mil vezes pior...
Sinto muito...mas essa sensaçao horrível de invasao a sua privacidade, de perda de direitos vai passar...eu prometo!!
Beijoos

Pri disse...

Ange querida,boa noite!

Realmente não tem nem por onde começar quando o assunto é deste porte.Olha apesar de morar aqui em SP e toda vez que saio na rua fico preocupada e olhando atentamente pros lados,graças a Deus nunca fui assaltada nem ninguém da minha família.Moro no mesmo bairro a uns 15 anos e a unica coisa que aconteceu foi um dia eu ter deixado a roupa dormi no varal ai dei falta de uma camiseta(esses velhos de dormir) do meu marido e ironicamente pude vela no corpo de um bêbado que talvez tenha sentido frio na madrugada por isso deve ter pego.
Entendo mesmo seus sentimentos e partilho da sua indignação é muito triste e surreal dar um duro danado pra plantar e outro vim colher seus frutos,mas olha graças a Deus você e Evandro são fortes e determinados daqui a pouco vão estar com tudo novamente e fica a minha dica:
Todo cuidado é pouco.
Procura se cuidar, e esquece está fase.
Beijosssss milll da Pri

Pri disse...

Amore boa tarde,olha eu aqui de novo,rrsrsrs.
Esses dias postei uma musica da Vanessa da Mata,eis o link e me diga se gosta tá:http://olhandodoauto.blogspot.com/2011/10/vanessa-da-mata-no-clipe-minha-heranca.html

E escolhe está frase para você:

"Qualquer caminho que você decida tomar, existe sempre alguém para te dizer que você está errado. Existem sempre dificuldades surgindo que te tentam a acreditar que as críticas estão corretas. Mapear um caminho de ação e segui-lo até o fim requer... coragem."
Ralph Waldo Emerson

ZINA, . disse...

Amiga querida.

Tambem nem sei por onde começar, então lembrei de uma frase do Pe Fábio de Melo que Diz assim: "Quando a fé que eu tenho em Deus se revela em mim, eu tudo posso...mesmo quando tudo parece nublado e o coração só chora!" Então tenho certeza por tudo que você já compartilhou com a gente aqui, que sua fé continue assim, GIGANTESCA, pra encarar e superar mais essa etapa ruim, na sua vida.Fé em Deus sempre amiga, e tudo vai se ajeitar.Mas que é revoltante, ah isso é. Espero que você tenha serenidade pra continuar assim,FORTE como você
sempre é nos momentos difíceis.

Me dê noticias do se pai. Quero saber viu! Espero que ele já esteja bem.

Te amo amiga!

Beijo.

Ange Rocha, disse...

Agradeço muitissimo a todos vcs. Tão bom ouvir palavras de carinho quando tudo está tão nebuloso e incerto. Tenho fé que as coisas vão se ajeitar e que brevemente estarei mais tranquila e com amnésia de tudo isso que aconteceu!rsrsrs

Evandro, meu bem, fico sempre muito feliz quando leio um carinho seu. Melhor ainda quando é dito bem de pertinho. #melosidadeexplicita!rs

Meninas, beijo grande! Amo, amo seus recadinhos fofos! Zina, vc sempre uma grande amiga. Pri, vc é fofa demais!Angélica, bom saber que mesmo de longe vc está sempre aqui presente. Beijo, beijo!

Denise disse...

Ange, é a primeira vez q te visito e fiquei comovida com sua história.
Com relação à multa contratual, existem pessoas gananciosas q não se sensibilizam com o sofrimento alheio. Penso, nessas ocasiões, q tudo o q o dinheiro pode resolver, deve ser resolvido, sem pestanejar. E q todos colhem aquilo q plantam.
Quanto aos ladrões, muitos são os q querem possuir bens sem trabalhar, sem suar a camisa. Não sabem o quanto é prazeiroso conquistar as coisas por nosso esforço. E como vc disse, tantas pessoas perdem a vida por maldade desses indivíduos q não possuem amor a sua própria vida. Vc tem seu trabalho e possibilidade de conquistar em dobro o q te foi tirado.
Quanto a comprar um apto, hoje os financiamentos estão muito fáceis. Procure um lugar barato, q vc possa pagar e depois vá fazendo aos poucos os ajustes necessários. Não fique no aluguel. É desperdício.
Q vc possa muito em breve conquistar o seu "cantinho".

Gisele Braga disse...

Olá, vim aqui agradecer sua
visitinha no meu blog, passei um bom tempo
sem entrar. Me desculpa a demora!
Obrigada pelo carinho!

Seguindo aqui.
Beijos e fique com Deus*