sábado, 27 de outubro de 2007

"Assovia o vento dentro de mim. Estou despido. Dono de nada, dono de ninguém, nem mesmo dono de minhas certezas, sou minha cara contra o vento, a contravento, e sou o vento que bate em minha cara..."
Eduardo Galeano
Esta semana estive vendo umas fotos antigas,passando pelos tempos de quando ainda era criança, de quando fazia faculdade, de quando fiquei desempregada após concluir o curso...Tanta coisa passou pela minha cabeça! Verdadeiro furacão na mente.Fechei os olhos em me vi em cada situação,em cada momento.Daí me perguntei: como sobrevivi a tanta coisa? Parei e a resposta foi só uma: Deus em meu coração.Somente Ele foi e é capaz de me fazer suportar as intempéries da vida. Mas é bom sentir tudo isso,porque reflete amadurecimento.E hoje me vejo assim, pronta pra enfrentar qualquer barca.E no peito trago sentimentos.
.......................................
Uma vez me perguntei se eu era romântica.Pensei,pensei e dei o parecer final: não,não sou.Tenho apenas um coração cheio de sentimentalidades.
Beijos a quem me lê.
Ange.
p.s.: ao som de "Dust in the wind" , na bela voz de Paula Fernandes.

2 comentários:

Evan disse...

[navy][i]quer dizer que só eu é que sou romântico? kkkkkkkkkkkkk

e esses óculos aí? rsrs fica uma gracinha com eles. e sem eles também.

vibro todas as vitórias da sua vida com você.
e estou de corpo e alma para te ajudar nos momentos que precisar. eu e Deus estamos.

beijos. te amo, minha vida!

ass: seu Evan/ seu boBOca/ seu Gordinho/ seu marido/ seu Abramov/ seu amor pra vida toda. {rs}

Evan disse...

detalhe: [navy][i] kkkkkkkkk, só eu mesmo... áiái...